Ajudar pessoas não só a lidar com a imprensa, mas a desenvolver padrões funcionais de comunicação dentro das corporações, de maneira a criar ambientes harmoniosos, combater a fofoca, minimizar os efeitos de climas organizacionais que interferem negativamente nos resultados. Esses são  os maiores benefícios de um Coaching de Comunicação. Um dos grandes problemas dentro das empresas é a falta de clareza nas informações. Muitas vezes o que é “comunicado” oficialmente não corresponde ao conjunto de dúvidas que precisam ser esclarecidas, para que haja engajamento da equipe.

gestor equipe 760x300

Um exemplo dessa situação é a apresentação de um projeto. O gestor precisa motivar sua equipe. Precisa que todos se envolvam com a mesma determinação e acreditem nos resultados esperados. O projeto pode estar perfeitamente descrito , tecnicamente bem apresentado em slides e pode acabar em decepção se a apresentação oral, se a força de convencimento e de inspiração não forem fortes o suficiente. Outro risco são os colaboradores perderem o interesse pela falta de oportunidade em opinar. Me lembro de várias reuniões em que pessoas entravam mudas e saiam caladas. Eram sempre os mesmos que detinham o poder da palavra e do convencimento. Certamente a maioria saia da reunião sentindo o peso de mais uma tarefa com a qual não se identificavam. Não atuaram na criação da ideia, no planejamento.

Quando a comunicação flui naturalmente dentro de uma empresa as pessoas não se sentem inseguras por discordar. Não há confrontação. Pelo contrário, há liberdade para apresentação de opções, há espaço para a argumentação. A comunicação é um dos fatores que mais contribuem para o bem estar de um colaborador dentro de uma empresa. Curioso observar também que muito do que falamos ou ouvimos está contaminado por jogos psicológicos. O Coaching é uma estratégia para observar as motivações da fala, sem que haja julgamento. O próprio Coachee poderá identificar porque costuma se calar, ou porque se sente rejeitado se uma opinião sua é contestada, porque reage com agressividade. Onde estão os valores, as crenças?

equipe feliz 760x300

Além do ambiente corporativo, o Coaching de Comunicação pode trazer grande avanço na prevenção de conflitos de comunicação nos relacionamentos de um modo geral. Afinal, o importante nem sempre é o que falamos, mas a maneira como o outro entende! Outro detalhe: mais importante que saber falar é saber ouvir! Neste sentido, abre-se uma janela de oportunidades para o trabalho com casais que têm problemas de comunicação, pais e filhos, pessoas que se isolam do convívio social. A comunicação saudável cria relacionamentos funcionais, gera autoestima.

Outra possibilidade interessante é trabalhar com pessoas que precisam desenvolver palestras de alto impacto ou apenas se apresentar publicamente.  Sabemos que a comunicação se faz pela linguagem escrita, verbal e não verbal. Podemos escrever uma mensagem perfeita e ter dificuldades para apresentação verbal das informações. Da mesma forma, o conteúdo pode estar muito bem estruturado e o efeito não ser positivo porque  a linguagem corporal não estava em sintonia. Gestos, expressões faciais, movimentos dos olhos e do corpo, o tom de voz, tudo interfere na absorção da mensagem.

Há momentos em que a fala precisa ser mansa e acolhedora. Há momentos em que o receptor precisa de uma fala mais direta e assertiva. Eu me considero apta para auxiliar outras pessoas nesta área não apenas pela larga experiência em processos de comunicação informativa. Seja em assessorias de imprensa, elaboração de textos, consultoria para implantação de Planos de Comunicação, apresentação de Programas de Televisão e Rádio. De tudo isso, o fator que considero de maior legitimidade é minha própria jornada contra a timidez e a falta de coragem para dizer não. Ainda hoje faz-se necessário um movimento consciente para conseguir divergir com segurança, apresentar argumentos, ter uma comunicação mais assertiva. Mas tenho obtido êxito e posso auxiliar quem enfrenta as mesmas dificuldades.

Conforme explica Vera Martins (2005, p.38) “a comunicação assertiva é o estilo que possibilita SER E PARECER, pois suas características estimulam uma comunicação transparente, honesta, objetiva e de mão dupla”. A autora se refere ao fato de que as pessoas escolhem padrões de comunicação de acordo com seu perfil de comportamento. Existem aqueles que são e não parecem – pessoas ou profissionais ocultos em suas atividades, que não tornam explícitos seu potencial ou opinião. Existem os que parecem e não são. É o exemplo clássico daquele que se vende além do que é.  “A pessoa que adota a comunicação assertiva consegue ….influenciar e ser influenciado”.

Considerando que o Coaching é um processo em que o Coachee promove seu próprio desenvolvimento através do autoconhecimento, acredito no enorme potencial do Coaching de comunicação. As perguntas são as respostas. Aqui já começa a mudança. Pensar, refletir, a partir de um questionamento. A mudança começa quando o coachee acredita que pode ter uma comunicação funcional, que contribui para relacionamentos saudáveis, sem que uma das partes tenha que se anular.

Na verdade, como lembra Vera Martins (2005, p.93), “a pessoa não poderá remover sua programação psicológica original, mas poderá inserir novas programações para neutralizar as que estão interferindo negativamente em sua vida, inspirando-a a assumir comportamentos agressivos e passivos. A solução está em alterar sua profecia, tornando sua voz interna mais amável e ponderada a respeito de si mesma”.

i cant 760x300